Arquivos da categoria: programa

Modelos que correm: conheça as tops que são adeptas da corrida

Modelos que correm (Foto: Reprodução/Instagram)Modelos que correm (Foto: Reprodução/Instagram)

Elas são donas de corpos invejáveis, mas não são musas fitness. São modelos, mas também são atletas. Desfilam por aí com os looks mais cobiçados das passarelas, mas trocam o salto alto por um par de tênis sempre que têm a oportunidade – e, de quebra, inspiram suas seguidoras pelo estilo de vida saudável em meio à rotina intensa da moda.


Izabel Goulart, Pathy Dejesus, Babi Beluco, Renata Kuerten, Isabel Hickmann e Michi Provensi são algumas das tops que se renderam ao universo da corrida seja para manter a forma, seja para manter a mente em equilíbrio. Corredoras que se revezam entre editoriais, desfiles e provas de 5km, 10km, 21km e até mesmo 42km. Em entrevista à Vogue, elas revelam como começaram a correr – e por que decidiram nunca mais parar. Confira o resultado ao longo desta página e run, baby, run!

Izabel Goulart (Foto: Reprodução )Izabel Goulart (Foto: Reprodução )

IZABEL GOULART
Com uma série de provas no currículo – no ano passado, ela correu os 21km da Nike Women Victory Tour e uma série de provas de 10km no Brasil e em Paris, onde mora -, a top é famosa pelo físico e pela disposição de atleta. Dona de um dos corpos mais sarados da indústria fashion, ela é habituée da passarela da Victoria’s Secret, mas se mantém em forma o ano inteiro não por causa do desfile de lingerie, mas sim porque é esportista apaixonada. Da corrida ao pilates, Iza é sem dúvida uma das maiores modelos-corredoras da sua geração.

Babi Beluco (Foto: Reprodução/Instagram)Babi Beluco (Foto: Reprodução/Instagram)

BABI BELUCO
Quando começou a correr? Comecei quando tinha 13 anos – e realmente não gostava!
Por que começou a correr? Meu pai que, além de médico, sempre foi esportista, começou a me desafiar. Eu tinha que acompanhar ele nas corridas diárias e, como nunca fui de levar desafio para casa, mesmo que odiando o tal desafio eu continuei!
O que te motivou a continuar praticando o esporte? Aos poucos eu comecei a ganhar condicionamento, minhas pernas não coçavam mais, o ar passou a fluir e eu comecei a usar aquele tempo para me reconectar comigo mesma. Fui vencendo meus limites de tempos, distâncias e então me apaixonei pela corrida! Claro que, quando comecei a ver no meu corpo o resultado de tudo isso, aí que resolvi que quero correr para sempre…
Já participou/vai participar de alguma prova? Se sim, qual? Participo sempre de provas de 10km e fiz a Meia Maratona do Rio de Janeiro no ano passado, que foi minha segunda prova de 21km. Agora estou sendo acompanhada por uma coach de corrida – tudo para acertar minhas técnicas, já que me preparo para a Maratona de Berlim [uma das mais cobiçadas do mundo!] em setembro. Estou adorando!
 Qual é a sua power song atualmente? Minhas playlists têm que ter batidão, nada de hip hop…
Gosto de música comercial mesmo! Tipo Titanium, do David Guetta, Calvin Harris (risos). Até um funk brasileiro me da um up na corrida!
Qual é o maior benefício que a corrida te traz? São tantos que eu não conseguir viver sem! Meu sono fica muito melhor, a corrida regula a  minha ansiedade… é quase uma terapia, um autoconhecimento. Deixa as pernas bonitas e dá uma secada geral no corpo. Amo também porque me permite comer um pouquinho a mais sem ter peso na consciência!

Michi Provensi (Foto: Reprodução )Michi Provensi (Foto: Reprodução )

MICHI PROVENSI
Quando começou a correr?
Comecei a correr quando viajava muito como modelo e não tinha como me filiar a uma academia – e também porque eu não era fã de academia, sempre gostei mais de esportes outdoor. Correr na esteira, nem pensar.  É um esporte simples de equipamento (nem tanto a passada, pois aprender a correr certo é importante), democrático e barato. Um grande barato, endorfina pura, é só calçar um tênis e criar percursos que te façam feliz.
Por que começou a correr? Porque tinha a pressão de manter a forma no universo das modelos, e correr num bom pace queima qualquer pizza. Além disso, por sentir a necessidade de voar por todas as cidades que conheci. Voando baixo, claro.
O que te motivou a continuar praticando o esporte? Em São Paulo, quem me motivou a continuar correndo foi o Nike Running Club – eles montaram um grupo de influenciadores cheio de amigos, Flávio Samelo, Facundo Guerra, Maga Moura… E foi aí que aprendi a correr mesmo com o nosso treinador, Renan. É incrível o processo de reconhecer  seu corpo e preparar ele certinho pra corrida.
Já participou/vai participar de alguma prova? Se sim, qual? A primeira prova grande que corri na vida foi a São Silvestre, ótima opção pra quem decide passar o ano novo em São Paulo – é muita gente te assistindo e dando apoio. É muito engraçado, me senti uma estrela da corrida [quando participei]. No ano passado, corri a Nike Womans Victory Tour no Rio, meia-maratona só de mulheres pelo circuito da Olimpíada do Rio. A última prova que corri foi a Meia-Maratona de Fernando de Noronha.
Qual é a sua power song atualmente? Ninguém acredita quando falo que corro escutando mantra. A força está nas pernas, a mente tem que estar sempre tranquila.
Qual é o maior benefício que a corrida te traz? O maior benefício é a sensação de liberdade e o contato com a cidade. Eu emagreço muito rápido então não posso correr o tanto que gostaria, mas dá um pique para o dia, alivia qualquer TPM ou dor de cotovelo.

Renata Kuerten (Foto: Reprodução/Instagram)Renata Kuerten (Foto: Reprodução/Instagram)

RENATA KUERTEN
Quando começou a correr? Comecei a correr há um ano, mais ou menos. Mas, nada sério, só em casa mesmo! Recentemente comecei a treinar para correr a Meia Maratona do Rio de Janeiro. Fiz três aulas, só, mas já estou super animada.
Por que começou a correr? A minha agenda é muito conturbada e, muitas vezes, estou em lugares onde não consigo me exercitar na academia, por exemplo. A corrida acaba sendo uma boa saída.
O que te motivou a continuar praticando o esporte? Eu sou uma pessoa saudável, gosto mesmo de cuidar do meu corpo. Acho que esta é a maior motivação para eu praticar qualquer esporte.
Já participou/vai participar de alguma prova? Se sim, qual? Já participei de corridas e caminhadas em prol de alguma causa. Agora, como falei anteriormente, quero correr a Meia Maratona do Rio de Janeiro.
Qual é a sua power song atualmente? Uso o Spotify e ouvir uma playlist chamada GO! Running, com batidas fortes que ajudam a dar aquele ânimo. Também adoro escutar sertanejo enquanto corro.
Qual é o maior benefício que a corrida te traz? Quando corro estou cuidando não só da minha boa forma, mas também da saúde. Este é o maior benefício!

Pathy Dejesus (Foto: Reprodução )Pathy Dejesus (Foto: Reprodução )

PATHY DEJESUS
Quando começou a correr? Na infância. Fiz atletismo, competia nos 100 metros rasos e salto em altura!
Por que começou a correr? Eu amo correr. Comecei na infância, como falei, e nunca mais parei. Cheguei correr 16km nos treinos. Baixei pra 10km e hoje estou mudando meu treino de distância para velocidade. Então corro entre 5km e 6km o mais rápido possível (risos).
O que te motivou a continuar praticando o esporte? Vejo a diferença no meu corpo quando fico uma semana sem praticar nenhum exercício. Descobri que correr me deixa feliz. É o meu jeito de tranquilizar a mente, me divertir e manter a boa forma.
Já participou/vai participar de alguma prova? Já participei de algumas e tenho melhorado minhas marcas! Na última em Noronha fui a 10ª na classificação geral e 1ª na minha categoria. Esse ano ainda não rolou.
Qual é a sua power song atualmente? Desenvolvi uma playlist que me auxilia no ritmo da minha corrida. Então, todas as músicas me dão meu pace correto. Dessas, a minha preferida é Satisfaction, do Dr. Dre.
Qual é o maior benefício que a corrida te traz? Meu bem estar e meu bom humor. Depois vem o físico.

 Isabel Hickmann (Foto: Reprodução/Instagram) Isabel Hickmann (Foto: Reprodução/Instagram)

ISABEL HICKMANN
Quando começou a correr?
Comecei em 2013, há quatro anos aderi a corrida como esporte. No primeiro ano, super iniciante, eu me arriscava  correndo 5, 10, até 20 minutos com  caminhadas intercaladas. Depois de um ano, adquiri gosto pela prática e comecei a levar o esporte mais a sério.
Por que começou a correr? Eu sempre fui zero praticante de esportes durante a adolescência. Educação física, assim como o inglês, eram minhas piores notas! É até engraçado porque são coisas que utilizo MUITO hoje. Completamente leiga, comecei com caminhadas devido uma exigência da minha profissão – o corpo deve sempre estar em dia e, acima de tudo, saudável.
Quando me mudei para Nova York, percebi que lá a corrida era uma coisa muito forte, e isso foi um incentivo para eu aumentar a velocidade na esteira. Assim que comecei a correr, nas academias de NY: primeiro correndo 5 minutos, depois 10, progredindo com o tempo e tomando gosto pela coisa. Hoje em dia, um treino de 5km pra mim é dia de descanso, faço isso com e por prazer.
O que te motivou a continuar praticando o esporte? Depois do incentivo inicial, acho que a continuação com a corrida veio por conta do resultado. Me adaptei no esporte, coisa que sempre tive dificuldades, e vi o reflexo da corrida no meu corpo e na minha mente.  Grande parte da força que tenho hoje devo à corrida, e costumo dizer que ela é um incentivo para a realização das coisas – e não o contrário, como dizem por aí, que precisamos de um incentivo para correr. A corrida foi meu incentivo a parar de fumar, por exemplo. Fui tabagista por 14 anos – muito tempo para uma pessoa com menos de 30 anos – e hoje são 6 meses que larguei este mau hábito. Sou uma pessoa melhor, sinto isso na pele e tudo graças à corrida. Também passei a aprender como melhorar meu desempenho e, ao terminar cada corrid,a percebo o quanto valeu a pena o esforço.
Já participou/vai participar de alguma prova? Se sim, qual? Nunca participei de provas, mas tenho muita vontade. Estou procurando por alguma prova de 15 km que coincida com minha agenda – coisa que é difícil programar -, ou quem sabe arrisco a Meia Maratona de São Paulo, que vai acontecer em abril. Acho que a competição é algo que nos leva ao limite e, com isso, podemos ver onde conseguimos chegar. Por isso acho legal competir e pretendo realizar isso em breve.
Qual é a sua power song atualmente? Ultimamente, Nicolas Jaar tem sido o meu DJ na hora da corrida – ele é um DJ de música eletrônica que tem uma peculiaridade no seu repertório que gosto muito, até me acalma. Pode soar estranho, mas gosto de musicas mais tranquilas quando corro. Tenho escutado com frequência a playlist Nature Sounds (sons da natureza), do Spotify . Corro ao som de passarinhos, cachoeira, trovões. Minha corrida é quase uma meditação, mas mexendo muito o corpo.
Qual é o maior benefício que a corrida te traz? Além dos benefícios físicos, como manter a forma, ganhar força cardíaca e ficar mais disposta, acredito que a corrida tem sido fundamental para diminuir minha ansiedade e me deixar mais focada. É o momento que eu me desligo do mundo. Quando acabo o exercício e ligo a chave do mundo real de novo, parece que tudo fica mais fácil.


Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Veja Fashion Agencia de Modelos e Top Models Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL BRASIL, LEQUIPE AGENCE, Way Model

Modelos que correm: conheça as tops que são adeptas da corrida

Modelos que correm (Foto: Reprodução/Instagram)Modelos que correm (Foto: Reprodução/Instagram)

Elas são donas de corpos invejáveis, mas não são musas fitness. São modelos, mas também são atletas. Desfilam por aí com os looks mais cobiçados das passarelas, mas trocam o salto alto por um par de tênis sempre que têm a oportunidade – e, de quebra, inspiram suas seguidoras pelo estilo de vida saudável em meio à rotina intensa da moda.


Izabel Goulart, Pathy Dejesus, Babi Beluco, Renata Kuerten, Isabel Hickmann e Michi Provensi são algumas das tops que se renderam ao universo da corrida seja para manter a forma, seja para manter a mente em equilíbrio. Corredoras que se revezam entre editoriais, desfiles e provas de 5km, 10km, 21km e até mesmo 42km. Em entrevista à Vogue, elas revelam como começaram a correr – e por que decidiram nunca mais parar. Confira o resultado ao longo desta página e run, baby, run!

Izabel Goulart (Foto: Reprodução )Izabel Goulart (Foto: Reprodução )

IZABEL GOULART
Com uma série de provas no currículo – no ano passado, ela correu os 21km da Nike Women Victory Tour e uma série de provas de 10km no Brasil e em Paris, onde mora -, a top é famosa pelo físico e pela disposição de atleta. Dona de um dos corpos mais sarados da indústria fashion, ela é habituée da passarela da Victoria’s Secret, mas se mantém em forma o ano inteiro não por causa do desfile de lingerie, mas sim porque é esportista apaixonada. Da corrida ao pilates, Iza é sem dúvida uma das maiores modelos-corredoras da sua geração.

Babi Beluco (Foto: Reprodução/Instagram)Babi Beluco (Foto: Reprodução/Instagram)

BABI BELUCO
Quando começou a correr? Comecei quando tinha 13 anos – e realmente não gostava!
Por que começou a correr? Meu pai que, além de médico, sempre foi esportista, começou a me desafiar. Eu tinha que acompanhar ele nas corridas diárias e, como nunca fui de levar desafio para casa, mesmo que odiando o tal desafio eu continuei!
O que te motivou a continuar praticando o esporte? Aos poucos eu comecei a ganhar condicionamento, minhas pernas não coçavam mais, o ar passou a fluir e eu comecei a usar aquele tempo para me reconectar comigo mesma. Fui vencendo meus limites de tempos, distâncias e então me apaixonei pela corrida! Claro que, quando comecei a ver no meu corpo o resultado de tudo isso, aí que resolvi que quero correr para sempre…
Já participou/vai participar de alguma prova? Se sim, qual? Participo sempre de provas de 10km e fiz a Meia Maratona do Rio de Janeiro no ano passado, que foi minha segunda prova de 21km. Agora estou sendo acompanhada por uma coach de corrida – tudo para acertar minhas técnicas, já que me preparo para a Maratona de Berlim [uma das mais cobiçadas do mundo!] em setembro. Estou adorando!
 Qual é a sua power song atualmente? Minhas playlists têm que ter batidão, nada de hip hop…
Gosto de música comercial mesmo! Tipo Titanium, do David Guetta, Calvin Harris (risos). Até um funk brasileiro me da um up na corrida!
Qual é o maior benefício que a corrida te traz? São tantos que eu não conseguir viver sem! Meu sono fica muito melhor, a corrida regula a  minha ansiedade… é quase uma terapia, um autoconhecimento. Deixa as pernas bonitas e dá uma secada geral no corpo. Amo também porque me permite comer um pouquinho a mais sem ter peso na consciência!

Michi Provensi (Foto: Reprodução )Michi Provensi (Foto: Reprodução )

MICHI PROVENSI
Quando começou a correr?
Comecei a correr quando viajava muito como modelo e não tinha como me filiar a uma academia – e também porque eu não era fã de academia, sempre gostei mais de esportes outdoor. Correr na esteira, nem pensar.  É um esporte simples de equipamento (nem tanto a passada, pois aprender a correr certo é importante), democrático e barato. Um grande barato, endorfina pura, é só calçar um tênis e criar percursos que te façam feliz.
Por que começou a correr? Porque tinha a pressão de manter a forma no universo das modelos, e correr num bom pace queima qualquer pizza. Além disso, por sentir a necessidade de voar por todas as cidades que conheci. Voando baixo, claro.
O que te motivou a continuar praticando o esporte? Em São Paulo, quem me motivou a continuar correndo foi o Nike Running Club – eles montaram um grupo de influenciadores cheio de amigos, Flávio Samelo, Facundo Guerra, Maga Moura… E foi aí que aprendi a correr mesmo com o nosso treinador, Renan. É incrível o processo de reconhecer  seu corpo e preparar ele certinho pra corrida.
Já participou/vai participar de alguma prova? Se sim, qual? A primeira prova grande que corri na vida foi a São Silvestre, ótima opção pra quem decide passar o ano novo em São Paulo – é muita gente te assistindo e dando apoio. É muito engraçado, me senti uma estrela da corrida [quando participei]. No ano passado, corri a Nike Womans Victory Tour no Rio, meia-maratona só de mulheres pelo circuito da Olimpíada do Rio. A última prova que corri foi a Meia-Maratona de Fernando de Noronha.
Qual é a sua power song atualmente? Ninguém acredita quando falo que corro escutando mantra. A força está nas pernas, a mente tem que estar sempre tranquila.
Qual é o maior benefício que a corrida te traz? O maior benefício é a sensação de liberdade e o contato com a cidade. Eu emagreço muito rápido então não posso correr o tanto que gostaria, mas dá um pique para o dia, alivia qualquer TPM ou dor de cotovelo.

Renata Kuerten (Foto: Reprodução/Instagram)Renata Kuerten (Foto: Reprodução/Instagram)

RENATA KUERTEN
Quando começou a correr? Comecei a correr há um ano, mais ou menos. Mas, nada sério, só em casa mesmo! Recentemente comecei a treinar para correr a Meia Maratona do Rio de Janeiro. Fiz três aulas, só, mas já estou super animada.
Por que começou a correr? A minha agenda é muito conturbada e, muitas vezes, estou em lugares onde não consigo me exercitar na academia, por exemplo. A corrida acaba sendo uma boa saída.
O que te motivou a continuar praticando o esporte? Eu sou uma pessoa saudável, gosto mesmo de cuidar do meu corpo. Acho que esta é a maior motivação para eu praticar qualquer esporte.
Já participou/vai participar de alguma prova? Se sim, qual? Já participei de corridas e caminhadas em prol de alguma causa. Agora, como falei anteriormente, quero correr a Meia Maratona do Rio de Janeiro.
Qual é a sua power song atualmente? Uso o Spotify e ouvir uma playlist chamada GO! Running, com batidas fortes que ajudam a dar aquele ânimo. Também adoro escutar sertanejo enquanto corro.
Qual é o maior benefício que a corrida te traz? Quando corro estou cuidando não só da minha boa forma, mas também da saúde. Este é o maior benefício!

Pathy Dejesus (Foto: Reprodução )Pathy Dejesus (Foto: Reprodução )

PATHY DEJESUS
Quando começou a correr? Na infância. Fiz atletismo, competia nos 100 metros rasos e salto em altura!
Por que começou a correr? Eu amo correr. Comecei na infância, como falei, e nunca mais parei. Cheguei correr 16km nos treinos. Baixei pra 10km e hoje estou mudando meu treino de distância para velocidade. Então corro entre 5km e 6km o mais rápido possível (risos).
O que te motivou a continuar praticando o esporte? Vejo a diferença no meu corpo quando fico uma semana sem praticar nenhum exercício. Descobri que correr me deixa feliz. É o meu jeito de tranquilizar a mente, me divertir e manter a boa forma.
Já participou/vai participar de alguma prova? Já participei de algumas e tenho melhorado minhas marcas! Na última em Noronha fui a 10ª na classificação geral e 1ª na minha categoria. Esse ano ainda não rolou.
Qual é a sua power song atualmente? Desenvolvi uma playlist que me auxilia no ritmo da minha corrida. Então, todas as músicas me dão meu pace correto. Dessas, a minha preferida é Satisfaction, do Dr. Dre.
Qual é o maior benefício que a corrida te traz? Meu bem estar e meu bom humor. Depois vem o físico.

 Isabel Hickmann (Foto: Reprodução/Instagram) Isabel Hickmann (Foto: Reprodução/Instagram)

ISABEL HICKMANN
Quando começou a correr?
Comecei em 2013, há quatro anos aderi a corrida como esporte. No primeiro ano, super iniciante, eu me arriscava  correndo 5, 10, até 20 minutos com  caminhadas intercaladas. Depois de um ano, adquiri gosto pela prática e comecei a levar o esporte mais a sério.
Por que começou a correr? Eu sempre fui zero praticante de esportes durante a adolescência. Educação física, assim como o inglês, eram minhas piores notas! É até engraçado porque são coisas que utilizo MUITO hoje. Completamente leiga, comecei com caminhadas devido uma exigência da minha profissão – o corpo deve sempre estar em dia e, acima de tudo, saudável.
Quando me mudei para Nova York, percebi que lá a corrida era uma coisa muito forte, e isso foi um incentivo para eu aumentar a velocidade na esteira. Assim que comecei a correr, nas academias de NY: primeiro correndo 5 minutos, depois 10, progredindo com o tempo e tomando gosto pela coisa. Hoje em dia, um treino de 5km pra mim é dia de descanso, faço isso com e por prazer.
O que te motivou a continuar praticando o esporte? Depois do incentivo inicial, acho que a continuação com a corrida veio por conta do resultado. Me adaptei no esporte, coisa que sempre tive dificuldades, e vi o reflexo da corrida no meu corpo e na minha mente.  Grande parte da força que tenho hoje devo à corrida, e costumo dizer que ela é um incentivo para a realização das coisas – e não o contrário, como dizem por aí, que precisamos de um incentivo para correr. A corrida foi meu incentivo a parar de fumar, por exemplo. Fui tabagista por 14 anos – muito tempo para uma pessoa com menos de 30 anos – e hoje são 6 meses que larguei este mau hábito. Sou uma pessoa melhor, sinto isso na pele e tudo graças à corrida. Também passei a aprender como melhorar meu desempenho e, ao terminar cada corrid,a percebo o quanto valeu a pena o esforço.
Já participou/vai participar de alguma prova? Se sim, qual? Nunca participei de provas, mas tenho muita vontade. Estou procurando por alguma prova de 15 km que coincida com minha agenda – coisa que é difícil programar -, ou quem sabe arrisco a Meia Maratona de São Paulo, que vai acontecer em abril. Acho que a competição é algo que nos leva ao limite e, com isso, podemos ver onde conseguimos chegar. Por isso acho legal competir e pretendo realizar isso em breve.
Qual é a sua power song atualmente? Ultimamente, Nicolas Jaar tem sido o meu DJ na hora da corrida – ele é um DJ de música eletrônica que tem uma peculiaridade no seu repertório que gosto muito, até me acalma. Pode soar estranho, mas gosto de musicas mais tranquilas quando corro. Tenho escutado com frequência a playlist Nature Sounds (sons da natureza), do Spotify . Corro ao som de passarinhos, cachoeira, trovões. Minha corrida é quase uma meditação, mas mexendo muito o corpo.
Qual é o maior benefício que a corrida te traz? Além dos benefícios físicos, como manter a forma, ganhar força cardíaca e ficar mais disposta, acredito que a corrida tem sido fundamental para diminuir minha ansiedade e me deixar mais focada. É o momento que eu me desligo do mundo. Quando acabo o exercício e ligo a chave do mundo real de novo, parece que tudo fica mais fácil.


Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Veja Fashion Agencia de Modelos e Top Models Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL BRASIL, LEQUIPE AGENCE, Way Model

Primeiras fotografias de Henri Cartier-Bresson em expô em SP

Programa pro feriado: a exposição “Henri Cartier-Bresson, primeiras fotografias” está em cartaz até 25/06 na Galeria de Fotos do Centro Cultural Fiesp! São 58 fotografias do francês, escolhidas pelo curador João Kulcsár, de seus primeiros 4 anos de trabalho – conhecidos como “momento decisivo”. O fotógrafo Henri Cartier-Bresson se consagrou como um dos nomes mais influentes da área no século 20. Quer conhecer mais? Clica na galeria pra conferir!

“Henri Cartier-Bresson, primeiras fotografias”
Até 25/06, de segunda a sexta, das 10h às 20h
Centro Cultural Fiesp: av. Paulista, 1313, Cerqueira César, SP
(11) 3146-7406
Entrada gratuita

Zezé di Camargo diz que se casou porque Zilu engravidou e assume que traiu a ex

Zilu e Zezé di Camargo (Foto: Reprodução)Zilu e Zezé di Camargo (Foto: Reprodução)

Zezé di Camargo assumiu publicamente, em entrevista ao programa vespertino “Fofocando”, que se casou com Zilu Godói porque tinha 19 anos e ela ficou grávida de sua primeira filha, Wanessa Camargo. O cantor, que estava ao lado da atual namorada, Graciele Lacerda, disse que decidiu viver para si mesmo quando pediu o divórcio. 


“Eu não estou dizendo que ela fez isso de propósito, mas foi um descuido. Eu não tinha onde morar, não tinha como me sustentar e levei ela para a casa dos meus pais e ficamos lá por três meses até conseguir um lugar para morar. Eu falei ‘vou me casar com você, já que teve a confiança de engravidar de mim e serei um homem honrado’. Criei meus filhos, dei estudos, trabalhei, corri atrás e percebi que, aos 42 anos, ainda não tinha vivido. Pensei que era o momento de viver para mim”, explicou.


O sertanejo ainda assumiu que se apaixonou por Graciele enquanto estava casado com Zilu e disse que sabia que o erro era dele, já que era um homem casado, o que o motivou a revelar toda a história para sua família.


“Confessei para ela [Zilu], que entrou em pânico e em desespero, arrumei a mala e tentei sair de casa duas vezes. Me lembro de uma cena em que eu estava dentro do carro, com minhas coisas, ela escorou no carro, chorando, e me disse ‘eu aceito que você tenha quem quiser, mas não saia de casa, pelo amor de Deus’. Juro por Deus que chegou a este ponto. Muita gente não sabe como foram as coisas. Na minha cabeça eu estava errado, estava com outra pessoa e fiquei tentando que isso acontecesse [a separação] de uma maneira natural. Esse foi meu erro. Se eu tivesse acabado de uma vez, talvez não teria virado esse buchicho todo”.


Briga entre Wanessa e Graciele


Zezé também relembrou de uma briga física entre Graciele e Wanessa, que aconteceu há 5 anos, em que a filha teria chegado de uma festa e puxado o cabelo da namorada, derrubando-a no chão.


“É minha filha, amo de paixão, mas errou. Em um momento em que não estávamos esperando, eu estava abraçado com a Graciele, por volta de 4h da manhã, quando vi a Graciele deu berro e sumiu do meu braço. Quando vi, ela estava no chão, a Wanessa chegou por trás, sem que ninguém visse, puxou o cabelo dela e a jogou de costas no chão. Eu, imediatamente, me coloquei entre elas e não deixei que nada mais acontecesse”, falou.


O cantor declarou que, neste caso, foi justo ao defender a namorada, já que ela foi a pessoa agredida. “Por isso eu usei o termo covarde por ter agredido por trás, também usei o termo ‘estava fora de si’, estava descalça, tinha chegado de uma festa, acho que tinha bebido. Razão eu não dou porque agressão não justifica nada. Eu não vou poupar porque é minha filha, da mesma forma que se fosse uma situação inversa. Jamais eu faria isso. Eu estou sendo justo com quem cometeu o delito. A única coisa que fiz foi separar”.


Casamento e filho com Graciele


Zezé ainda deu a entender que pretende se casar com Graciele e que já está procurando uma nova casa para comprar que seja bem ampla. e que pretende ter filho com ela, mesmo já tendo feito vasectomia. “Estou procurando uma casa mim, para ela, para os amigos, uma casa grande porque sou muito social. Quero viver nesta casa momentos especiais com ela”.


Sobre filhos, ele disse que já pensou várias vezes sobre o assunto e dependerá do momento e da namorada. “Eu sou vasectomizado, mas tem como reverter. Meu irmão, Luciano, fez isso. Se ela, um dia falar, ‘eu quero’ aí não tem choro nem vela”, finalizou ele que é pai de  Wanessa, Camilla e Igor. 

Zezé di Camargo e Graciele Lacerda (Foto: Reprodução/Instagram)Zezé di Camargo e Graciele Lacerda (Foto: Reprodução/Instagram)


Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Veja Fashion Agencia de Modelos e Top Models Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL BRASIL, LEQUIPE AGENCE, Way Model

Zezé di Camargo diz que se casou porque Zilu engravidou e assume que traiu a ex

Zilu e Zezé di Camargo (Foto: Reprodução)Zilu e Zezé di Camargo (Foto: Reprodução)

Zezé di Camargo assumiu publicamente, em entrevista ao programa vespertino “Fofocando”, que se casou com Zilu Godói porque tinha 19 anos e ela ficou grávida de sua primeira filha, Wanessa Camargo. O cantor, que estava ao lado da atual namorada, Graciele Lacerda, disse que decidiu viver para si mesmo quando pediu o divórcio. 


“Eu não estou dizendo que ela fez isso de propósito, mas foi um descuido. Eu não tinha onde morar, não tinha como me sustentar e levei ela para a casa dos meus pais e ficamos lá por três meses até conseguir um lugar para morar. Eu falei ‘vou me casar com você, já que teve a confiança de engravidar de mim e serei um homem honrado’. Criei meus filhos, dei estudos, trabalhei, corri atrás e percebi que, aos 42 anos, ainda não tinha vivido. Pensei que era o momento de viver para mim”, explicou.


O sertanejo ainda assumiu que se apaixonou por Graciele enquanto estava casado com Zilu e disse que sabia que o erro era dele, já que era um homem casado, o que o motivou a revelar toda a história para sua família.


“Confessei para ela [Zilu], que entrou em pânico e em desespero, arrumei a mala e tentei sair de casa duas vezes. Me lembro de uma cena em que eu estava dentro do carro, com minhas coisas, ela escorou no carro, chorando, e me disse ‘eu aceito que você tenha quem quiser, mas não saia de casa, pelo amor de Deus’. Juro por Deus que chegou a este ponto. Muita gente não sabe como foram as coisas. Na minha cabeça eu estava errado, estava com outra pessoa e fiquei tentando que isso acontecesse [a separação] de uma maneira natural. Esse foi meu erro. Se eu tivesse acabado de uma vez, talvez não teria virado esse buchicho todo”.


Briga entre Wanessa e Graciele


Zezé também relembrou de uma briga física entre Graciele e Wanessa, que aconteceu há 5 anos, em que a filha teria chegado de uma festa e puxado o cabelo da namorada, derrubando-a no chão.


“É minha filha, amo de paixão, mas errou. Em um momento em que não estávamos esperando, eu estava abraçado com a Graciele, por volta de 4h da manhã, quando vi a Graciele deu berro e sumiu do meu braço. Quando vi, ela estava no chão, a Wanessa chegou por trás, sem que ninguém visse, puxou o cabelo dela e a jogou de costas no chão. Eu, imediatamente, me coloquei entre elas e não deixei que nada mais acontecesse”, falou.


O cantor declarou que, neste caso, foi justo ao defender a namorada, já que ela foi a pessoa agredida. “Por isso eu usei o termo covarde por ter agredido por trás, também usei o termo ‘estava fora de si’, estava descalça, tinha chegado de uma festa, acho que tinha bebido. Razão eu não dou porque agressão não justifica nada. Eu não vou poupar porque é minha filha, da mesma forma que se fosse uma situação inversa. Jamais eu faria isso. Eu estou sendo justo com quem cometeu o delito. A única coisa que fiz foi separar”.


Casamento e filho com Graciele


Zezé ainda deu a entender que pretende se casar com Graciele e que já está procurando uma nova casa para comprar que seja bem ampla. e que pretende ter filho com ela, mesmo já tendo feito vasectomia. “Estou procurando uma casa mim, para ela, para os amigos, uma casa grande porque sou muito social. Quero viver nesta casa momentos especiais com ela”.


Sobre filhos, ele disse que já pensou várias vezes sobre o assunto e dependerá do momento e da namorada. “Eu sou vasectomizado, mas tem como reverter. Meu irmão, Luciano, fez isso. Se ela, um dia falar, ‘eu quero’ aí não tem choro nem vela”, finalizou ele que é pai de  Wanessa, Camilla e Igor. 

Zezé di Camargo e Graciele Lacerda (Foto: Reprodução/Instagram)Zezé di Camargo e Graciele Lacerda (Foto: Reprodução/Instagram)


Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Veja Fashion Agencia de Modelos e Top Models Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL BRASIL, LEQUIPE AGENCE, Way Model

Sophie Charlotte sobre licença-maternidade: “Ideal seria 1 ano”

Sophie Charlotte (Foto: Divulgação / Edison Vara / Pressphoto)Sophie Charlotte (Foto: Divulgação / Edison Vara / Pressphoto)

Os últimos seis meses da vida de Sophie Charlotte foram inteiramente dedicados ao seu primeiro filho, Otto, nascido em março deste ano do casamento com Daniel de Oliveira. Durante este tempo, a atriz fez uma pausa na carreira como parte de sua licença-maternidade. Agora, ela retoma aos poucos seus compromissos profissionais, defendendo o direito da mulher de destinar os 180 dias do pós-parto ao filho.


“Não é fácil para nenhuma mãe de bebê pequeno voltar ao trabalho. Acho que tem que ser logo homologada a licença-maternidade de 6 meses [para todas as mães]. É o mínimo, até por conta do aleitamento materno”, contou à Marie Claire.


A legislação brasileira garante apenas 120 dias (4 meses) para funcionários de empresas privadas que não fizeram a adesão ao Programa Empresa Cidadã do Governo Federal. A atriz acredita que este prazo poderia ser estendido. “Acho realmente muito difícil uma mãe com quatro meses voltar a trabalhar”, contou. “O ideal seria 1 ano”, disse.

Sophie Charlote, Daniel de Oliveira e o filho (Foto: Reprodução/Instagram)Sophie Charlote, Daniel de Oliveira e o filho (Foto: Reprodução/Instagram)

Nas poucas vezes em que saiu sem o filho, como quando compareceu no lançamento da linha de uma marca de sorvetes nesta semana, Sophie, no entanto, falou que a breve separação tem um lado positivo. “Tem mãe que no sexto mês dá uma escapada para ir ao cinema com o marido ou jantar com as amigas. No meu caso, saí a trabalho”, afirmou. “Nunca é uma decisão fácil, mas é realmente importante para ele entender que ele é um indivíduo e eu sou outro”.


Ao longo deste ano, Sophie deixará Otto em casa mais algumas vezes. A atriz irá participar do lançamento dos filmes Tamu Junto e BR 716, que gravou antes de engravidar. “É meio que colher o fruto que plantei lá atrás”. Em fevereiro do ano que vem o público poderá vê-la na nova novela das 21h ‘Jogo da Memória’.

Sophie Charlotte (Foto: Leo Franco / AGNEWS)Sophie Charlotte (Foto: Leo Franco / AGNEWS)

EXPERIÊNCIA COMO MÃE
Embora tenha se tornado mãe há pouco tempo, Sophie revelou ter tido o desejo de aumentar a família logo após dar à luz. “A vontade veio rápido, com uns três meses”, disse. “Só que preciso trabalhar e dar uma atenção ao Otto”, disse.


Muitas mulheres relatam acontecer mudanças emocionais profundas após o nascimento do filho. Com Sophie não foi diferente. “A questão do amor é além do que poderia imaginar, é demais. É um amor muito louco que vem e toma conta de você.

Sophie Charlotte (Foto: Agnews)Sophie Charlotte (Foto: Agnews)


Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Neoplanos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Linksweb Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Veja Fashion Agencia de Modelos e Top Models Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL BRASIL, LEQUIPE AGENCE, Way Model

Pathy Dejesus revela preparação para primeiro ensaio nu: “Fui radical”

Pathy Dejesus (Foto: Divulgação / Gabi Alves)Pathy Dejesus (Foto: Divulgação / Gabi Alves)

Quando surgiu o convite de se tornar a primeira negra a estampar a capa da edição de aniversário da revista “Playboy”, Patricia Dejesus, carinhosamente apelidada de Pathy, foi à casa dos pais se aconselhar antes de tomar sua decisão. Dependendo da resposta do casal, a atriz e ex-modelo de 39 anos abriria mão deste passo em sua carreira para não constrangê-los. “Posso falar o português claro? Foi foda!”, contou.


De cara, Pathy ouviu um não da mãe ao pedir sua bênção. Mas o cenário mudou quando o pai a surpreendeu com seu apoio. “Ele fez uma cara feia, franziu a testa, mas me deixou falar”, afirmou. “Eu lhes disse que não faria algo que os deixaria constrangidos. Pedi para confiar na educação que me deram e no ser humano que me tornei. Tenho uma história tão bonita e não iria manchá-la por ego ou capricho. E falei da importância da representatividade [da mulher negra]”. A justificativa não somente os convenceu, como garantiu um certo incentivo. “Lembro que, quando saíram as primeiras notícias, meu pai foi o primeiro a compartilhá-las no Facebook [risos]”.


Com a divulgação da revista recém-lançada, Pathy notou o aumento da curiosidade dos homens em torno de sua figura. “Acho engraçado. Tem umas pessoas que nunca imaginei e que estão elogiando”, disse antes de ponderar. “Sou blindada em relação ao assédio. Trabalhei 15 anos como modelo, e sei que as fotos não são eu, são apenas uma imagem. Às vezes me pergunto se as pessoas gostariam mesmo de mim se me conhecessem como sou”, brincou.


Os homens, pelo menos à princípio, diz, mantiveram-se discretos na abordagem. Quem sonha em um dia conquistá-la precisa, segundo Pathy, investir em um bom papo e fugir do “chaveco”. “Os homens não chegam em mim. Sou de uma época em que não tinha internet e o cara tinha que falar, trocar ideia, ser educado com as pessoas. Isso que vai me encantar.”

Pathy Dejesus (Foto: Divulgação / Gabi Alves)Pathy Dejesus (Foto: Divulgação / Gabi Alves)

PREPARO
Com apenas 20 dias para se preparar para o dia das fotos, a atriz mudou a dieta e recorreu aos exercícios físicos para acentuar suas curvas. “Não tive muito tempo. Como sou magra, parei de correr um pouco, porque isto dá uma secada, e só comi proteína praticamente”, contou.


Pathy revelou ter sofrido mesmo ao cortar a bebida alcoólica e todo tipo de massa da dieta. “O que valeu foi ter mudado minha alimentação. Vi bastante resultado, mas é desesperador porque fiquei bastante tempo sem comer massa, e eu amo”, disse. “Morei um tempo na Itália. Sou do ritual do vinho, tomo um pouco por dia”.


A restrição alimentar lhe trouxe não somente um corpo mais curvilíneo, como também um aprendizado. “Fui radical durante um tempo para um trabalho e vi que sou capaz. Se precisar de novo, sei que vou conseguir”.


Autoconfiante, ela aproveitou ainda para dar uma lição de autoestima ao falar sobre estar bem com seu corpo. “Eu nunca vou ser gostosona, então você nunca vai me ver malhando glúteos duas horas, porque o que tenho é isso aqui, e estou feliz assim.  Mas o que posso melhorar vou fazer até ficar 100%. Sou teimosa, taurina, muito determinada”.

Pathy Dejesus (Foto: Divulgação / Gabi Alves)Pathy Dejesus (Foto: Divulgação / Gabi Alves)


REPRESENTATIVIDADE NEGRA
Abrir caminho para mulheres negras em áreas antes dominadas exclusivamente por brancos não é novidade para Pathy — embora surpreenda quem ainda duvida do racismo no Brasil. “Fui a primeira a fazer muitas coisas, como estar na embalagem de um shampoo, estrelar uma propaganda de filtro solar,  apresentar um programa na MTV depois dos 23 anos…”


Ela já foi vítima de preconceito quando trabalhou em um escritório em São Paulo antes de ingressar na carreira de modelo. “Pediram para saber mais sobre minha aparência antes de me virem. Dizem ‘boa aparência’ porque não querem uma negra. Hoje, como pessoa pública, embora esteja na linha de frente, tenho como me defender. E quem está no bairro onde cresci e toma na cabeça todo dia somente pelo fato de ser negra?”, questionou.


Pathy acredita, inclusive, que poderia ter sido ela a mulher agredida verbalmente em uma praia do Recreio, no Rio, em um caso que repercutiu nas redes sociais com a divulgação de um vídeo na web recentemente. “Essa coisa ridícula poderia ter acontecido com qualquer outra atriz global. Morei ali, poderia ter acontecido comigo”.


Bisneta de afrodescendentes escravizados, a atriz sabe a importância que um trabalho como o seu tem no desenvolvimento da representatividade de negros na mídia e no combate ao preconceito. “Recebo mensagens de meninas que se estimularam em ser modelos e atrizes porque me viram. Isto é um mérito e ninguém me tira”.

Pathy nos bastidores do ensaio nu (Foto: Reprodução Instagram)Pathy nos bastidores do ensaio nu (Foto: Reprodução Instagram)


Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Veja Fashion Agencia de Modelos e Top Models Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL BRASIL, LEQUIPE AGENCE, Way Model

Sem pressão: o desabafo de dez famosas sobre a silhueta pós-gravidez

Famosas não deram trela para os padrões de beleza (Foto: Getty Images)Famosas não deram trela para os padrões de beleza (Foto: Getty Images)

O corpo pós-gravidez é como uma entidade: quem não alcançou o peso desejado sente os efeitos da baixa-autoestima e diz muito sobre a importância do corpo perfeito de uma mulher (e como ele define o gênero diante da sociedade).


Normalmente, o termo ‘corpo pós-gravidez’ é usado como uma ferramenta para reforçar os padrões de beleza e, principalmente, para celebrar as mulheres que recuperaram a boa forma depois de ter um bebê. Porém, nem todas as celebridades estão de acordo com esse padrão. Para combatê-lo, têm se manifestado publicamente contra a pressão da boa forma pós das à luz. Confira quem são elas:


Kerry Washington
Quando a sua agente comentou que ela tinha conseguido voltar ao corpo que tinha antes da gravidez, a atriz de “Scandal” não perdeu tempo em corrigir o equívoco: “Ela quis me elogiar, mas nós tivemos essa longa conversa em que eu falei ‘Sabe de uma coisa? Eu tento não usar esse termo, porque o objetivo não é andar para trás na vida. Eu não estou focada em ‘voltar’ para nada, mas ser a melhor versão de mim mesma agora. O meu corpo é o lugar em que um milagre aconteceu. Eu não quero voltar a ser quem era antes do milagre”, disse para a revista Self.


Blake Lively
A atriz de “Gossip Girl” comentou em uma entrevista no programa de televisão australiano “Sunrise” que esse tipo de comentário sobre o corpo é ‘injusto’. “É muito injusto. É como se dissessem: é assim que você pode ficar depois de ter um bebê. Eu acho que o corpo de uma mulher após dar à luz é bem incrível. Você não precisa estar pronta para a desfilar pela Victoria’s Secret logo em seguida porque você acabou de fazer o maior milagre que a vida pode oferecer. Quero dizer, você deu à luz um ser humano! Eu gostaria de ver isso ser celebrado”.


Chrissy Teigen
“Eu acho que algumas pessoas estranham muito se você recupera o corpo rápido demais, porque, na verdade, você deveria estar em casa com esta coisinha, cuidando dela, e não se preocupar tanto com isso. Mas você nunca vai ter o direito de resposta e você nunca vai estar certa para todo mundo, então apenas viva e faça o que você faz de melhor”, disse para a People.


Olivia Wilde
“Eu acredito em um mundo em que as mães não precisam compartilhar qualquer evidência física da sua experiência como grávida. Nesse mesmo mundo, eu acredito que existe espaço para os exercícios físicos serem uma dádiva tanto para a mente quanto para o corpo. Eu não quero perder o meu tempo correndo atrás de uma definição subjetiva de perfeição”, explicou para a revista Shape.


Jennifer Love Hewitt
“Eu pensei que seria consumida tentando fazer o meu corpo voltar a ser o que era, mas agora que sou mãe eu não quero mais ser essa garota. Porque essa garota não tinha um bebê e um marido incrível ou essa experiência maravilhosa que eu estou tendo agora”, disse para a Us Weekly.


Jennifer Garner
Durante o programa de Ellen DeGeneres, a atriz explicou que, provavelmente, sempre terá uma barriguinha de gravidez, e que isso não é um problema. “Eu não estou grávida, mas eu tive três filhos e existe uma barriguinha. Eu recebo os parabéns das pessoas que conheço direto… De agora em diante, meninas, eu terei uma barriguinha, e é a minha barriguinha de grávida. Ela não vai a lugar algum. O seu nome é Violet, Sam e Sera [nome dos seus filhos]”.


Anne Hathaway
Em sua página no Instagram, a estrela do cinema explicou que não existe problema em ganhar peso durante a gravidez, ou em qualquer momento da vida, diga-se de passagem. “Não existe vergonha em ganhar peso quando você está grávida (ou em qualquer outro momento). Também não existe vergonha se você demorou mais do que esperava para perder esse peso (se você quiser perdê-lo). Não existe vergonha em começar a chorar e fazer os seus próprios shorts porque os do verão passado são curtos demais para as coxas desse verão. Corpos mudam. Corpos crescem. Corpos diminuem. É tudo amor (não deixe ninguém te dizer o contrário)”.


Liv Tyler
“Seja gentil consigo mesma. Todo mundo é diferente. O corpo de todo mundo é diferente, assim como é a experiência de dar à luz de cada uma”, disse para a People.


Adele
A cantora britânica contou em um show alguns dos efeitos da gestação que, muitas vezes, ficam escondidos por conta dos padrões irreais impostos às gestantes: “Quando eu fiquei grávida, eu tinha tanta testosterona em mim que eu cresci uma barba. Eu a tirei na noite passada. Isso é verdade. Eu não estou brincando. Eu tenho uma barba e eu tenho orgulho dela. Eu a chamo de Larry”.


Kate Winslet
“Eu tenho uma barriga de gravidez amassada, os seios não vestem bem depois de duas crianças… Eu estou bem. Eu tenho 33 anos. Eu não olho no espelho e digo ‘Ah, eu estou fantástica!’. É claro que não. Ninguém é perfeito. Eu só não acredito na perfeição. Mas eu acredito em dizer ‘É assim que eu sou e olhem para mim não sendo perfeita! Eu tenho orgulho disso’.”



Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Veja Fashion Agencia de Modelos e Top Models Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL BRASIL, LEQUIPE AGENCE, Way Model

Tainá Muller reproduz cena de Gisele Bündchen amamentando o filho no trabalho

Tainá Muller (Foto: Reprodução/ Instagram)Tainá Muller (Foto: Reprodução/ Instagram)

Tainá Müller postou uma foto, nesta quinta-feira, 8, amamentando seu filho, Martim, em uma reprodução de uma imagem já postada por Gisele Bündchen em 2013. Na foto original, a über model amamenta Vivian Lake, que estava com 1 ano de vida, em uma suite de hotel de São Paulo, enquanto se preparava para um evento na capital paulista.


“Quase Gisele”, escreveu Tainá na legenda.


Na época, essa imagem gerou polêmica nos Estados Unidos porque algumas mães reclamaram que aquela não representava as dificuldades de uma mãe moderna.


Denise Albert, autora de um blog americano sobre maternidade, chegou a reclamar em um programa de TV que Gisele foi “desagradável” e “ultrajante” e não representava nenhuma mulher “multitarefa”. Bapho, hein! 

Gisele Bündchen e Tainá Müller (Foto: Reprodução/Instagram)Gisele Bündchen e Tainá Müller (Foto: Reprodução/Instagram)

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Veja Fashion Agencia de Modelos e Top Models Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL BRASIL, LEQUIPE AGENCE, Way Model

Fernando Meirelles diz que Gisele errou na abertura dos Jogos

Gisele Bündchen (Foto: Getty Images / Instagram)Gisele Bündchen (Foto: Getty Images / Instagram)

O desfile de Gisele Bündchen na abertura dos Jogos Olímpicos do Rio, na última sexta-feira (5), foi uma das cenas mais elogiadas do mundo inteiro, mas parece não ter sido tão perfeito para o diretor do show, Fernando Meirelles.


Em entrevista programa “Timeline Gaúcha”, da Rádio Gaúcha, ele contou que a übermodel errou na velocidade ao caminhar pelo palco armado no Maracanã. 


“A Gisele Bündchen errou. A gente combinou uma velocidade e ela andou um pouquinho mais lento”, revelou.

Assuntos sobre modelos e agencias de modelos na web: Agencias de modelos Melhores agencias de modelos Altura necessária para as modelos Como entrar para uma Agencia de Modelos Agencias de Modelos Brasileiras Agencia de Modelos do Brasil Lista de Agencias de Modelos Brasileiras Matérias sobre Modelos e o mundo da moda Lista de Agencias de Modelos Modelos Masculinos Empório Armani Online Lista de Agencias de Modelos Agencias de Modelos Agencias de modelos famosas Principais Agencias de Modelos Informações sobre agencias de modelos Informações sobre agencias de modelos e modelos Agencias de Modelos e Top Models Modelos, Agencias de Modelos e Bastidores da Moda Modelos, Agencias de Modelos e Moda Agencias de Modelos, Agencias de Moda do Brasil, Top Models, Modelos Femininos, Modelos Masculinos Vulnerável e Oscilante Moda, Modelos e Agencias de Modelos Veja Fashion Agencia de Modelos e Top Models

Principais Agencias de Modelos do País: FORD MODELS, MEGA MODEL BRASIL, MAJOR MODEL BRASIL, LEQUIPE AGENCE, Way Model